Andreia topo 970 x 90
Impacto

O impacto do sobrepeso nos relacionamentos

Por Andréia Souza

10/06/2019 15h41Atualizado há 2 meses
Por: Andreia
76

Para a grande maioria, o sobrepeso se torna um peso emocional que influencia diretamente a sua vida social, familiar e profissional da pessoa. Em geral a vida amorosa é a mais prejudicada.

Uma grande maioria se fecha, não conseguem se relacionar e costumam dizer se são felizes como são e como vivem, sozinhas, mas a verdade é que a falta de estima as colocam nesta condição e por defesa gritam aos quatro cantos do mundo que são felizes quando verdadeiramente não são.

Isso sem contar em relacionamentos que acabam por conta do sobrepeso, em geral isso acontece quando apenas uma das partes adquire o excesso de peso, perde a autoestima, a libido, se fecham e isso prejudica o relacionamento.

A falta de disposição decorrente do excesso de peso é outro fato que prejudica o relacionamento, casais que engordam juntos, tendem a se isolar e passar seus finais de semana dentro de casa, em cima da cama vendo filmes e comendo. Abdicam da vida social para não serem julgados, apontados ou questionados e acabam se acomodando com a condição que se encontram e o relacionamento acaba deixando de ser amoroso tornando-se mais fraternal, uma vez que a pratica de sexo quase que deixa de existir entres estes.

Há ainda aqueles que se isolam socialmente por terem vergonha do parceiro ou parceira obesa. Casam com uma pessoa peso normal, e com o passar do tempo a pessoa passa a engordar sem se incomodar com aquela condição ou as vezes até se importa, mas não consegue reagir e mudar a sua vida, levando o parceiro ou parceira a evitar reuniões sociais.

A conclusão é de uma pesquisa do Hospital do Coração em São Paulo, dos entrevistados, 81% afirma que a obesidade interfere na ascensão profissional e 78% acreditam que o excesso de peso dificulta o relacionamento conjugal.

De acordo com o coordenador da pesquisa, o médico Daniel Magnoni, um dos fatores que mais chamam atenção na pesquisa é opinião dos entrevistados sobre o casamento com um obeso. Entre os entrevistados do sexo masculino, 54% afirmou não ter interesse em construir uma relação matrimonial com pessoas acima do peso. Para o sexo feminino essa conclusão é um pouco menor (em torno de 46%).

Existem sim pessoas que são realmente felizes com o seu peso acima do recomendado pela OMS, porém não tem como negar que mesmo estas pessoas não estejam livres dos efeitos prejudiciais dessa condição em sua saúde.

O excesso de peso não deve ser  combatido apenas pela estética, mas principalmente por questões de saúde, física e emocional.

Neste link você poderá fazer um teste para saber como anda todas as áreas da sua vida, refletir sobre elas e saber se a causa da sua obesidade está ou não relacionado ao insucesso de algum delas.

 

 

 

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.